Caminhar durante a gravidez: desconstruindo mitos

Verdades e mentiras sobre os benefícios de andar durante a gravidez

Sara Cañamero de Leão Matrona09 de setembro de 2015

São muitos os artigos escritos sobre os benefícios da caminhada durante a gravidez. De fato, quando uma mulher pergunta ao especialista sobre que esporte é recomendável fazer durante a gestação, costuma ser frequente que se lhe recomende andar.

No entanto, encontro-me de forma freqüente com as mulheres da consulta ou nas aulas de preparação para o parto, que me dizem que o andar não vai se sentir muito bem, ou que têm dores no púbis, lhes incomoda a zona lombar, pode ser que tenham ciática; e ainda assim continua andando muito, porque é o recomendado, ou tê-lo lido. Ainda existem mulheres que estão realmente ‘tocadas’ e não podem caminhar e se sentem culpados.

Benefícios do exercício durante a gravidez

Os benefícios do exercício físico são bem conhecidos, e é claro que caminhar entra dentro deles, já que é um exercício de baixo impacto nas articulações e assoalho pélvico, e, além disso, é aeróbico. As vantagens que encontraremos são muitas:

– Aumenta a auto-estima, minimizando a depressão e a ansiedade.

– Ajuda a manter um ritmo de ganho de peso adequado.

– Melhora a condição cardiovascular e muscular.

– Favorece a correção postural.

– Diminui as perturbações digestivas.

– Reduz o mal-estar relacionado com a gravidez: aumento de peso e volume, menor coordenação, apatia.

– Aumenta o bem-estar psicológico.

– A recuperação após o parto é mais rápida.

– Acelera a recuperação do peso anterior à gravidez.

– Aumenta seus níveis de energia e bem-estar.

– Melhora a qualidade do sono.

– Serve como treinamento para o parto.

Para notar seus benefícios costumamos recomendar praticá-lo com uma freqüência de 3 a 4 vezes por semana cerca de 40-60 minutos; assim conseguiremos um aumento da resistência, da capacidade cardiovascular e respiratória; mas não trabalham de forma específica sobre as mudanças do corpo da mulher grávida. Ou seja, estes exercícios são bons para todo o mundo, e não só durante a gestação.

Quando caminhar não é o melhor esporte durante a gravidez

Temos que entender, que, embora a gravidez não é uma doença, o corpo da mulher vai mudar de forma drástica em apenas 9 meses:

– Ganho elevado de peso (9-12 kg recomendados, algumas algo mais).

– Mudança do centro de gravidade com o aumento do abdômen.

– Aumento da lordose lombar (parte baixa das costas).

– Diminuição da capacidade respiratória, anemia, em alguns casos.

– Instabilidade articular, a relaxina (hormônio que permeia as articulações para que o dia do parto o parto possa ter uma escala de mobilidade maior) permeia todas as articulações da mulher; o que o torna propenso a diastasis da sínfise do púbis, que se agrava muito quando caminhamos.

Todas estas mudanças fazem com que o caminhar que não seja o exercício ideal durante a gravidez; e se aparecer o menor desconforto se altere por outros exercícios aeróbicos que trazem os mesmo benefícios, tais como: nadar, elíptica, bicicleta estática.

Exercícios benéficos para a grávida

Nos últimos tempos, foram se incorporando exercícios que trabalham especificamente o assoalho pélvico, fazendo a mulher consciente dos músculos que o compõem, lhe ensinam a se mover, mantêm a postura. Estas novas disciplinas incorporadas na época pré-natal, vão tentar atenuar as dificuldades secundárias às alterações corporais da gravidez (dores lombares, prisão de ventre, insominio, dores nas articulações….), isto é, é um trabalho muito mais global e mais específico; que se pode combinar com o exercício aeróbico que antes mencionado.

Estou Me referindo ao Pilates pré-natal, yoga para grávidas, dança do ventre, hidroginástica, sempre coordenados por uma parteira; ou profissional qualificado para o gerenciamento de mudanças e peculiaridades de uma mulher grávida, trimestre a trimestre.

Ginástica para grávidas, exercer o períneo e glúteos

Promovido

A resiliência é a capacidade do ser humano para enfrentar qualquer situação, mesmo as mais adversas, de forma positiva.

Sua semana de gravidez

  1. Capa
  2. Gravidez
  3. Exercícios
  4. Caminhar durante a gravidez: desconstruindo mitos

Relacionados

GravidezExercíciosGravidezExercíciospós-PartoEmbarazobeneficios de caminhar caminhar na gravidez grávida gravidez assoalho pélvico períneo esportes gravidez Sara Cañamero

0 Comentários

×

Responsável ” Polegar Meios S. L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

O mais visitado

AlimentaçãoBebêsLazerSaúde

Boletim informativo Semanal GuiaInfantil.com

Receba nossas novidades em seu e-mail

×

Responsável ” Polegar Meios S. L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, elaborar informação estatística e para a veiculação de publicidade personalizada. Se você continuar a navegar ou fechar a mensagem, entendemos que você está aceitando. Você pode alterar as configurações na nossa Política de Cookies

GuiaInfantil.com é o site líder em audiência na categoria ” Família e Estilo de Vida, com 14 milhões de visitantes por mês.

Polegar Meios S.L. © 2000-2018. Todos os direitos reservados.

Made with by 360audience

Leave a Reply