8 estratégias para agir frente a uma birra infantil

Métodos para controlar as birras, raiva e pataletas das crianças

Alba Caraballo FolgadoEditora jefe14 de agosto de 2018

Lidar diante de uma birra infantil não é fácil. São momentos complicados em que é importante saber como agir perante as crianças e ter os argumentos necessários para evitar dois erros comuns: excedernos ou não fazer nada.

A birra costuma ter o seu auge por volta dos 2 anos de idade. É a forma que tem a criança de lidar com suas emoções. Esta forma De canalizar sua ira, raiva ou frustração.

8 maneiras de reagir diante de uma pataleta infantil

É fácil detectar uma birra: a criança tira o chão, sucedem-se os gritos, dá pontapés, bate-se a si mesmo ou o que está a sua volta, a suspensão de nossas pernas ou até mesmo pode chegar a colar e insultar.

– Antecipar: os pais podemos detectar esses sinais que indicam que você vai desencadear um ataque de fúria, e podemos evitá-las, por exemplo, não passar na frente da loja de brinquedos ou do parque se não podemos ir ou deixar a compra para um momento em que não estejamos com as crianças.

– Ser mais flexíveis: as vezes os pais usamos muito o ‘não’ e colocamos muitas regras e limites que dificultam a vida das crianças e lhes fazem ter um ataque de fúria. Antes de negar-lhe tantas coisas, é importante pensar se nos superamos de autoritários.

– Não discutir com a criança: nesses momentos de grande irritação nos que não escuta e só grita, é preferível manter impasibles e firmes, não apresentar perante o menino que nos desesperamos ou colocamo-nos nervosos. Não prestar muita atenção ao que acontece e esperar que se acalme, mesmo que esteja na rua e seja objeto de olhares reprobatorias.

– Mantenha a calma: embora a criança grite, não despertar seu tom de voz, nem te ponhas nervoso. A paciência é o nosso grande aliado nesses casos. Se a situação o permite, e o bebê pode ouvir, podemos pegar os ombros, tentar que nos olhem nos olhos e explicá-los de forma tranquila, por exemplo, por que temos de ir para casa e não podemos continuar a brincar no parque.

– Evitar que se faça dano: se a criança se mostra agressivo, tenta danificar ou prejudicar outro sim devemos tomar em seus braços e manter a calma. Não lhe zarandearemos nem gritaremos, só lhe vamos braços até que se vá acalmando.

– Oferecer alternativas: no caso de que a raiva aumenta, é conveniente oferecer-lhe outra atividade que você goste, antes que estoure o grande ataque de fúria. Por exemplo, se você não pode continuar a jogar no parque, você pode jogar em casa, porque você vai tirar suas pinturas favoritas, e poderá fazer um desenho super.

– Dialogar com a criança: quando a birra passou, então, é quando podemos falar com ele e explicar por que tomaste essa decisão, o que fez de errado e por que não deve se comportar assim.

– Não dês importância a birra de frente para a criança: se falamos diante de outro ou do mesmo menino constantemente sobre o ataque de fúria, que organizou ou a pataleta que montou em algum site estará dando pé para que saiba o quanto nos afeta essa conduta. Você sabe que nós temos nesse momento e que pode voltar a fazê-lo. É conveniente evitar frases do tipo: vamos ver se hoje não monta um numerito ou não sabe que indo para o caminho errado ontem a criança no supermercado.

Como acabar com as birras em 8 passos

Promovido

O número de bebês e crianças que têm uma alergia tem crescido nos últimos anos.

  1. Capa
  2. Educação
  3. Conduta
  4. 8 estratégias para agir frente a uma birra infantil

Relacionados

CondutaEducaçãoEducaçãoJogosSanduíches e lanchesEducaciónrabietasberrinchespataletasagresividadllorarnormaslímitespacienciarabieta infantilniño sem limitesdisciplina infantil2 añosinteligencia emocionalser pais

0 Comentários

×

Responsável ” Polegar Meios S.L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

O mais visitado

AlimentaçãoSaúdeBebêsLazer

Boletim informativo Semanal GuiaInfantil.com

Receba nossas novidades em seu e-mail

×

Responsável ” Polegar Meios S. L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, elaborar informação estatística e para a veiculação de publicidade personalizada. Se você continuar a navegar ou fechar a mensagem, entendemos que você está aceitando. Você pode alterar as configurações na nossa Política de Cookies

GuiaInfantil.com é o site líder em audiência na categoria ” Família e Estilo de Vida, com 14 milhões de visitantes por mês.

Polegar Meios S.L. © 2000-2018. Todos os direitos reservados.

Made with by 360audience

Leave a Reply